Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Session 3 | Summer Beauty

por A Girl in Mint Green, em 03.07.15

O Verão chegou oficialmente e com ele chegam também as tão merecidas férias! Temos finalmente os dias mais longos e quentes, as idas à praia e à piscina, os fins de tarde nas esplanadas ou ainda os grandes passeios pela cidade ou pelo campo. Claro que o nosso Session 3 não poderia ficar indiferente e neste mês de Julho vamos falar-vos de alguma dicas a ter durante o Verão, especialmente no que toca a beleza e exposição solar.


- A Girl in Mint Green irá falar sobre os cuidados a ter no Verão com o cabelo;

- Far off Places vai partilhar algumas sugestões de cuidados a ter quando estamos na praia;

- Stephanie’s Daily Beauty vai mostrar-vos como podem preparar a vossa pele para o Verão.


Passem pelos nossos blogs e fiquem a conhecer os nossos conselhos para um Verão em beleza!

 

DSC00524.JPG

Vou portanto falar-vos dos cuidados que tenho com o meu cabelo durante o Verão. O meu cabelo é muito sensível e frágil, pelo que exige que eu tenha alguns cuidados específicos. Com a chegada do Verão, inicio uma rotina capilar para tentar combater algumas agressões bem típicas dessa época. A mais óbvia de todas é a exposição solar! Nesta época estamos muito mais expostos ao sol e os índices UVA/UVB são normalmente superiores. Por este motivo, uso um protector solar capilar para proteger o meu cabelo da radiação solar. O meu é da gama Solar Sublime da L’oreal Profissionnel, mas existem outros como este ou este.

Protector Solar Sublime

Os protectores solares para o cabelo protegem-no da degradação causada pelos raios solares, que fazem com que se torne mais seco e quebradiço. Os cabelos ficam assim preservados e saudáveis. Aplico depois de lavar o cabelo, com este ainda húmido, e depois seco como habitualmente. Quando vou à praia ou à piscina, levo o protector solar capilar comigo e vou aplicando com mais frequência. São locais onde estamos expostos ao sol durante muito mais tempo e onde vamos também dar um mergulho no mar/piscina, onde parte do produto acaba por sair.

Para além da exposição solar, temos também o sal da água do mar e o cloro das piscinas, que acumulamos no cabelo depois dos nossos mergulhos. A acumulação destes componentes no cabelo e couro cabeludo podem ser prejudiciais e deixam o cabelo crespo e seco. Como tal, é importante remove-los completamente. Existem alguns champôs reparadores, que ajudam a remover o sal e cloro e a restaurar a fibra do cabelo, como é o caso deste da Rene Furterer. No meu caso, não costumo usar nenhum champô deste tipo porque devo sempre usar um champô para queda de cabelo ou cabelos frágeis, por causa da minha alopécia. No entanto, para ajudar a reparar os cabelos danificados eu costumo usar uma máscara reparadora.

Máscara reparadora Solar Sublime

Não aplico directamente no couro cabeludo, mas mais nas pontas. A máscara que estou a usar neste momento é também da L’oreal Profissionnel e da mesma gama do protector solar. Eu gosto muito desta máscara porque deixa o cabelo muito leve e sedoso. Uma característica que também adoro nesta gama em particular é o cheiro dos produtos. Ambos têm um cheiro frutado, que me faz lembrar um pouco as frutas tropicais, as férias, o Verão.

Por fim, um conselho muito simples mas igualmente útil para protegerem o vosso cabelo: usar chapéu. Se estiverem expostos ao sol durante muito tempo, opter por usar chapéu. Faz com que não apanhem um escaldão na cabeça e que o vosso couro cabeludo se mantenha saudável.

Não se esqueçam de passar pelo Far off Places e pelo Stephanie’s Daily Beauty para ficarem a conhecer as suas dicas para este Verão!

Bom Verão e...

Boas Férias! :)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Hair | Dicas para prevenir a queda de cabelo

por A Girl in Mint Green, em 27.06.15

Vocês já devem estar fartos de me ouvir falar sobre a minha alopécia (queda de cabelo), mas é certo que é um assunto importante para mim e infelizmente começa a ser muito frequente no universo feminino. Cada vez mais se vêem mulheres com problemas de queda do cabelo e ainda muito jovens. E existem imensos factores que causam esta condição, como o stress, a influência genética, disturbios hormonais, etc. No meu caso é genético e sei que vou ter de levar com isto para sempre. Como tal, tendo sempre procurar o máximo de informação possível para me tentar ajudar a resolver este problema da melhor forma. Hoje venho partilhar com vocês algumas dicas  e procedimentos que eu uso para evitar queda de cabelo. Claro que não é por fazerem algumas destas coisas que o vosso cabelo vai parar de cair, se a causa for mais grave. Mas toda a ajuda é bem-vinda e se pudermos prevenir de alguma forma, melhor.

 

- Usar champôs formulados para couro cabeludo sensível/susceptível à queda: este é uma das coisas mais importantes que devem fazer para proteger o vosso couro cabeludo e tentar diminuir a probabilidade de queda. No meu caso, tenho um couro cabeludo muito sensível e não posso usar qualquer tipo de champô. Champôs ditos “de supermercado” estão absolutamente fora de questão. Por norma têm muitos químicos e eu costumo reagir muito mal a esses produtos. Para terem noção, uma vez usei um Pantene do mais normal que há e fiquei com uma camada de caspa oleosa gigante. E imensa comichão! Daí que opto sempre por champôs de farmácia, que por vezes possuem componentes mais naturais e formulações específicas para determinados problemas capilares. O meu preferido é o Kerium da La Roche-Posay. Mas também já usei o Ecophane, o da Klorane e neste momento estou a usar o Phytocyane da Phyto. No entanto, é muito importante salientar que se tiverem uma queda de cabelo significativa, não é o champô por si só que a vai parar, infelizmente. Seria muito feliz se assim fosse! Em tratamentos anti-queda, o champô serve apenas como uma ajuda, como um complemento. Para acompanhar o champô devem completar o tratamento com um suplemento alimentar ou outro tipo de medicação recomendada.Champôs anti-queda.png

- Usar elásticos e escovas que não danifiquem o cabelo: certamente que muitas de vocês já conhecem os famosos Invisibobble. Esses elásticos têm um formato especial para não marcar o cabelo, sendo que causam uma menor pressão no cabelo. Os invisibobble são capazes de prender bem o cabelo sem ficar demasiado preso. Muitas vezes, com os elásticos tradicionais, a pressão no cabelo é tanta que até ficamos com dores de cabeça. Em situações nas quais a raíz do cabelo esteja sensível, uma maior pressão pode acabar por causar a sua queda. Quantas de vocês já não viram o vosso elástico cheiinho de cabelos? Pois, eu também já apanhei desses sustos e digo-vos que desde que comecei a usar os invisibobbles, isso acontece muito menos! Quando tiro o elástico, a maior parte das vezes ele vem sem cabelos meus agarrados. Podem encontrar os invisibobble à venda aqui e aqui. Já relativamente às escovas, desde que comecei a usar as Tangle Teezer, não quero outras escovas. As Tangle Teezer são muito menos agressivas e separam muito melhor os fios de cabelo, desembaraçando-os com menor esforço e sem dor. Claro que não são os elásticos e as escovas que vos vão parar a queda, mas podem ajudar a não danificar tanto o cabelo que já está numa situação frágil de queda.

Elásticos e escovas.png

- Evitar penteados que puxem demasiado os fios de cabelo: existem penteados que puxam e repuxam demasiado os fios de cabelo, como aqueles entrançados lindos de morrer. Para quem tem um fio de cabelo com a raíz muito frágil e que facilmente de quebra, fazer estes penteados pode ser o golpe final para o fio acabar por cair. Criamos demasiada tensão na raíz do fio e acabou-se. Eu bem que gostava de fazer penteados giros e diferentes, mas também tenho de pensar que não posso agredir demasiado o meu cabelo, principalmente quanto este está mais sensível.

- Secar SEMPRE o cabelo depois de lavar: existe por aí um mito que diz que secar o cabelo faz mal à raíz do cabelo. Errado! É precisamente o contrário. Se deixarmos o cabelo secar naturalmente, este vai demorar muito mais a secar, certo? E o que acontece é que a raíz do cabelo fica com água e húmida durante mais tempo, o que acaba por induzir a sua degradação, como que “apodrecer” a raíz e deixá-la mais susceptível. Se esta por si só já for frágil, o cabelo acaba por cair. Claro que também não devemos exagerar na temperatura do secador, porque ar quente demais também faz danos. O meio termo é o melhor.

- Recorrer aos suplementos alimentares em alturas críticas: existem vários suplementos e produtos naturais para a queda de cabelo. Eu já experimentei vários e acho que nem sempre é fácil encontrar o suplemento certo. Na minha opinião, aquele que funcionou melhor comigo foi sem dúvida o Ecophane em pó! Podem ver a minha opinião sobre este suplemento neste post. Mas se preferirem existe também a Biotina, a Levedura de Cerveja, entre outros. 

 

Suplementos queda de cabelo.png

 

 

Quem por aí também tem problemas de queda de cabelo? Quero saber as vossas dicas de prevenção :)

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Events | Expocosmética 2015

por A Girl in Mint Green, em 05.05.15

 

Expocosmética_2015.jpg

 

Quem costuma acompanhar o blog sabe que no passado dia 26 de Abril estive na 20ª edição da Expocosmética, no Porto. Penso que este evento dispensa apresentações, visto ser uma das maiores feiras internacionais de cosmética, estética, unhas e cabelo. Fui até lá com a minha amiga S. e com a Mariana Magalhães Make Up. Foi a nossa primeira vez na Expocosmética, pelo que as expectativas eram enormes! Chegamos à zona do recinto e era o caos para estacionar, mas outra coisa não seria de esperar. Estava imeeeensa gente. Mesmo com credencial de blogger, que nos dá o direito de estacionar gratuitamente no parque da Exponor, foi complicado arranjar um lugar para deixar o boguinhas. Mas depois lá conseguimos!

No levantamento das credenciais de blogger, a organização do evento foi bastante atenciosa e deu-nos um saco com vários miminhos (que vos irei mostrar num outro post!) e informação útil para nos deslocar-mos da feira, como por exemplo convites para visitarmos determinados stands. Para além disso, a organização foi muito compreensiva e salvaram-me de uma situação bastante chata. Eu tinha um Vip Card para a minha amiga S. e deixei-o em casa... Clássico! Fiquei em pânico, porque a tinha convidado para ir comigo e obviamente não a ia deixar lá sozinha. No entanto, a organização facilitou-me imenso a situação e deram-lhe um novo convite. Ufaa! Para entrar curiosamente estava pouquíssima gente e nenhuma de nós teve de esperar para entrar, não havendo grande diferença entre pessoas com credencial e pessoas com bilhete normal.

A feira estava dividida em 4 zonas: Cabelo, Unhas, Estética e Brands. Mesmo com mapa na mão, foi um pouco complicado de nos orientarmos dentro da feira. Esta é bastante grande e com toda a confusão ficava um pouco difícil de andar por lá. E esse foi um dos aspectos que eu não gostei. Não sou nada fã de multidões e confusões. Mesmo que esteja num sítio que eu goste, o facto de estar apinhado de gente já me tira logo parte da vontade de lá estar. Mas claro que isto é um aspecto muito pessoal e não é isso que determina se gostei do evento ou não, é apenas um detalhe.

De todos os stands que visitei, aquele que mais gostei foi sem dúvida o da Andreia Profissional. Em primeiro lugar, tenho um especial carinho por marcas Portuguesas por isso fico muito feliz quando estas se tornam um verdadeiro sucesso, como é o caso da Andreia. O stand estava muito bem conseguido e dinâmico, com um local especial para tirarmos fotos e colocar nas redes sociais. Além de ficar a conhecer algumas novidades da Andreia, tive também a oportunidade de falar com um dos formuladores da marca, que trocou algumas informações comigo. Eu adoro o lado mais científico dos cosméticos, nomeadamente saber como estes são desenvolvidos, e na minha conversa com ele tentei abordar um pouco esse lado.

Expocosmética 2015.jpg

Um outro stand que gostei muito foi o da Nativa do Brasil, uma marca Brasileira de produtos de skin care feitos de ingredientes naturais. Tinha produtos deliciosos e com um cheirinho divinal mesmo. Dava vontade de ir a correr para um spa fazer uma bela de uma massagem e relaxar. Óptimos mesmo! No entanto, em termos de marcas de skin care não tive muita sorte, pois não eram assim tantas. E mesmo em termos de maquilhagem estava à espera de encontrar mais. Estava lá a Make Up For Ever, mas apenas com demonstração e não com venda produtos. Estava também a Peggy Sage mas sem grandes oportunidades, na minha opinião. O forte da feira era mesmo unhas, com imensos stands dedicados a unhas, em particular unhas de gel. E os stands dedicados ao cabelo estavam também em força, com bastantes stands de styling e tudo mais. No que toca a cabelo, eu não posso usar grandes produtos por causa da alopécia, pelo que não me interesso muito colorações, extensões, etc. Por produtos de unhas já me interesso muito mais e acabei por descobrir alguns produtos interessantes, mas unhas de gel é coisa que não me chama de todo. Assim sendo, fiquei um pouco desiludida por não encontrar mais stands de skin care e maquilhagem.

Em todo o caso, foi uma excelente experiência e claro que estarei presente na próxima edição!

Ah, e tal como disse anteriormente, num próximo post irei mostrar-vos o que recebi na minha visita à Expocosmética! Fiquem atentos :)

Expocosmética__2015.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

Sugestões My Pure Care | Primavera 2015

por A Girl in Mint Green, em 11.04.15

MPC Abril 2015.png

Entramos no mês de Abril, o que significa que temos novas sugestões My Pure Care! Desta vez são escolhas de produtos destinadas à Primavera, que começou recentemente. Confesso que a Primavera é possivelmente a minha estação preferida, porque é aquela que traz realmente uma grande mudança depois dos dias tristonhos e frios do Inverno. Traz o sol, traz o calor, traz a cor! Dá sem dúvida outro ânimo aos nossos dias. Aqui ficam as nossas sugestões para esta estação.

 

1. Spray Anthelios 50+ da La Roche-Posay: Com a chegada da Primavera, chega também o sol em força. Por isso não se esqueçam de se proteger devidamente! Não tenham pressa em ficar bronzeados, porque os cancros, envelhecimento precoce da pele e outras doenças não acontecem só aos outros. Este protector da La Roche-Posay é indicado para as primeiras exposições ao sol (início da Primavera ou início da época balnear), quando a pele ainda está muito branquinha e susceptível. É também apropriado para pessoas com pele sensível e/ou alergias. 

2. Granola Salutem: Nesta altura do ano começa também a famosa "operação bikini" e muita gente começa a adoptar hábitos mais saudáveis. Começam a comer melhor, a fazer mais exercício... Idealmente, estes hábitos saudáveis deveriam ser mantidos todo o ano e não apenas nesta altura. Muitas pessoas apostam mesmo em perder peso num curto espaço de tempo, o que é incorrecto e até mesmo perigoso para a saúde. Adoptem hábitos saudáveis sim, mas sem loucuras. Uma óptima forma é mudarem algumas das vossas refeições para alternativas mais saudáveis mas igualmente nutritivas. A granola é uma excelente opção para pequenos almoços ou lanches. Consiste numa mistura de cereais integrais, frutos secos e sementes com elevado teor em fibra. Pode ser misturado com leite, iogurte ou comer seco. 

3. Pó Translúcido All About Matt! da Essence: Nos dias de maior calor, acaba por ser mais complicado manter a base ou os cremes de cor decentes no nosso rosto. Acabam por ganhar muito mais brilho por causa da transpiração e começam a "cair"... Perdem a fixação à pele do rosto, por assim dizer. Nada melhor do que um pó translúcido para fixar. Dá um aspecto mais matificado à pele, reduz a formação de brilho e fixa a base durante mais tempo. Este produto é muito versátil e permite outro tipo de usos, que aprendi num workshop de maquilhagem a que fui. Por exemplo, imaginem que carregaram demasiado no vosso blush ou colocaram a sombra um pouco fora de sítio... Se forem coisas que apenas exigem pequenas correcções, podem usar o pó translúcido e esbater um pouco nas zonas onde acham que a cor está muito intensa. Eu faço isso e resulta muito bem. Assim escusam de estar a remover o produto todo e aplicar de novo. Acho que o pó translúcido é um excelente investimento, dado que pode ser usado tanto para fixar como para corrigir. 

4. Invisibobble Azul: O azul escuro/clássico é uma das cores tendência para esta Primavera de 2015. Fica bem com diversos estilos, com gangas ou um estilo navy.

5. Dercos Champô Esimulante da Vichy: Com a mudança da estação, há algumas pessoas que sofrem de queda de cabelo. Eu incluída, infelizmente. Tudo bem que não é uma queda tão intensa como a do Outono, pelo menos no meu caso não é... Mas convém sempre dar uma ajuda e fazer um tratamento. Este champô da Vichy possui Aminexil e vitaminas, combatendo o processo prematuro de envelhecimento das raízes. Este processo é muito comum nos homens, a partir de uma determinada idade. Mas as mulheres também não estão livres disso, o que ocorre nas pessoas com alopécia, como eu. O champô promete dar maior vigor e vitalidade aos cabelos mais fracos, sem vida e com tendência para a queda.

6. Creme com cor Dry Touch 50+ da Isdin: Tal como dito anteriormente neste post, com a chegada do sol é importante reforçar a protecção. Este creme é adequado para pessoas com pele mista a oleosa e permite que estas adequiram um efeito mate, controlando a oleosidade da pele. Quem tem este tipo de pele sabe bem que, nos dias de maior calor, a produção de sebo é muito maior e a pele fica mais gordurosa. Este produto tem uma textura em gel e um toque seco. Como tem cor, podem funcionar como base e dar alguma cobertura, disfarçando as imperfeições. 

 

E são estas a sugestões para este mês de Abril e para este início da Primavera :) Não se esqueçam de passar pelo site da My Pure Care e acompanhar as promoções!

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

SciSkin | Ecophane

por A Girl in Mint Green, em 16.12.14

TEXT HERE.png

Como já referi em alguns posts anteriores, sofro de alopécia. Ou seja, tenho queda de cabelo mais regularmente e algumas regiões com menos cabelo, principalmente na zona da frente, junto à testa. Com a chegada do Outono, a situação agrava-se ainda mais e a queda fica mais intensa. Durante vários anos fiz um tratamento com medicação um pouco forte, mas tive de deixar porque esses medicamentos causaram-me problemas de fígado. Então tentei procurar alternativas mais saudáveis para o organismo, como suplementos alimentares. Pesquisei em muitos sítios, falei com algumas pessoas e uma grande maioria recomendou-me tomar Ecophane em pó, garantindo-me que resultava mesmo. Existe também o Ecophane em comprimidos, mas o que me disseram é que a versão em pó tem um efeito mais rápido. O que faz algum sentido, porque produtos em pó, como medicamentos e suplementos, são mais rapidamente absorvidos no estômago. Como o Ecophane em pó foi o suplemento mais recomendado e com o feedback mais positivo, decidi comprar e começar o tratamento. Comecei em Agosto, nas férias de Verão, porque a minha queda começa já aí e achei boa ideia atacar logo o problema. Idealmente, até deveria ter começado um pouco antes disso. O Ecophane em pó vem numa lata e cada lata dá para aproximadamente um mês, um mês e pouco. Sendo que o tempo minimo recomendado para o tratamento é de três meses, temos de comprar três latas de Ecophane. Neste momento já terminei o tratamento e digo-vos... O resultado é IN-CRÍ-VEL!!! Acreditem, eu já experimentei muita coisa para queda de cabelo... Meeeeesmo muita coisa! Há coisas que me ajudaram um pouco, outras quase nada. Mas nenhum produto me fez crescer cabelo novo como o Ecophane!

Sendo este um post da rubrica SciSkin, vou explicar direitinho os componentes do Ecophane e qual a sua actuação no crescimento do cabelo.

Vamos começar pelo zinco... Este é um mineral que ajuda a manter os fios de cabelos fortes e saudáveis, pois promove a síntese da cisteína, um aminoácido que faz parte da estrutura da cabelo. Quanto temos falta de zinco, os cabelos tornam-se mais quebradiços e demoram a crescer novamente. Se surgem cabelos brancos e cálvice muito precocemente, pode significar que a pessoa tem uma deficiência em zinco. Por outro lado, o zinco também ajuda a manter o couro cabeludo devidamente hidratado e a prevenir a caspa.

Um outro mineral presente no Ecophane é o magnésio. Este participa na renovação celular, estimulando por isso o crescimento de cabelo novo para substituir aquele que caiu. Tal como o zinco, o magnésio também promove a síntese da cisteína.

Na composição do Ecophane estão também as vitaminas do complexo B: vitamina B5, B6 e B8. Estas vitaminas deste complexo trazem inúmeros benefícios, sendo que neste caso se destaca a sua acção na saúde do cabelo e pele. No caso da vitamina B5, também chamada de ácico pantoténico, actua na raiz do cabelo, promovendo o seu crescimento rápido, com maior força e espessura. Já a vitamina B6, ou piridoxina, favorece o metabolismo dos aminoácidos, constituintes da queratina do nosso cabelo. Ou seja, também vai acabar por estimular o crescimento e renovação. Por fim, a vitamina B, a famosa Biotina, quase que dispensa apresentações! Já se sabe que pode ser usada em tratamentos de queda de cabelo, pois actua no folículo piloso do cabelo, fortalencendo o fio e previne assim que o cabelo caia.  

HelloDecember.png

 

Para finalizar, tomar o Ecophane é mesmo simples. Bastam 3 colheres por dia, dissolvidas num copo grande com água. O sabor é relativamente agradável, meio frutado. Na minha opinião, bebe-se muito bem.

Foi um post um pouco longo, mas acho que o tema e o produto merecem :) Agora já descobri o meu tratamento ideal para a queda e certamente irei fazer todos os anos, se for possível.

Se estiverem interessadas em comprar o Ecophane em pó, podem faze-lo aqui ou aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Blogger




Instagram


Parcerias





Bloglovin'


Pinterest