Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Marmitas para o Verão

por A Girl in Mint Green, em 16.07.14

 Fonte: smartlunch.blogs.sapo.pt

 

Como todos sabem, uma grande parte das pessoas passou a levar marmitas para o trabalho ou aulas. A crise e o aumento dos preços forçou as pessoas a optarem por refeições mais económicas. Eu orgulho-me de levar marmita há já vários anos, mesmo quando muitas pessoas me olhavam de lado por fazer isso. Não entendo o porquê, visto que levarmos o nosso próprio almoço de casa só traz vantagens. Em primeiro lugar, podemos comer aquilo que realmente nos apetece! Quantas vezes não foram à vossa cantina ou restaurante e pensaram "eiii não me apetece nada disto" ou "estou farta desta comida". Por outro lado, poupam imenso dinheiro, além de que sabem aquilo que estão a comer. Não ficam com dúvidas se os ingredientes foram bem levados ou correctamente cozinhados. Em alguns casos, também conseguem poupar mais tempo na vossa hora de almoço, porque muitas vezes têm de estar em filas de espera para conseguirem comer. Hoje em dia já existem muitas faculdades e empresas que têm microondas para os seus alunos ou colaboradores. E mesmo que ainda não existam microondas, existem vários menus que podem ser consumidos frios, principalmente agora no Verão, que sabe tão bem uma comida fresquinha. Por isso não há cá desculpas para não levarem a marmita! E para vos ajudar, vou dar-vos algumas ideias de refeições que podem preparar e consumir frias. Estas são opções que costumo preparar para o meu almoço e considero óptimas para o Verão.

 

1. Salada

 

 Fonte: skinnykitchen.com

 

Esta é aquela opção óbvia. Uma grande vantagem das saladas é que podemos comer duas ou três vezes por semana, sem nos cansarmos. Isto porque existe uma variadade enorme de ingredientes que podemos incluir nas saladas e criar diversas combinações diferentes. Podemos partir de uma base de alface, massa ou ambas. E depois podemos acrescentar 4 ou 5 ingredientes que gostemos, de entre uma lista quase infinita: tomate, cenoura, milho, cogumelos, beterraba, pepino, ovo, queijo, pimento, fiambre, camarão, atum, azeitonas, delícias do mar, maçã, ananás, etc etc. Tentem escolher uma fonte de proteína, para vos dar mais "substância" como o ovo ou o queijo, por exemplo. E depois acrescentem os vegetais e até mesmo uma fruta. 

 

2. Quiche

 

 

 Fonte: madamexicaras.com

 

As quiches são excelentes refeições para serem consumidas frias. Tal como as saldas, podem ser feitas com vários ingredientes consoante o vosso gosto. Podem pensar que dá muito trabalho a fazer, mas enganam-se! Um truque que podem usar é fazer uma quiche ao fim de semana, partir em diversas porções e congelar. Durante a semana vão descongelando consoante as vossas necessidades. Torna-se muito prático para quem não tem muito tempo para cozinhar.

 

3. Sandes

 

Fonte: saboresdochef.com

Comer uma sande pode ser uma boa opção para quem tem pouco tempo ou tem de se deslocar durante a hora de almoço. No entanto, procurem que a vossa sande seja o mais completa e equilibrada possível. Podem começar por escolher um pão integral rico em fibra. Na minha opinião, tem um sabor agradável e a mim permite uma melhor digestão, sem ficar tão enfartada. Depois tentem também incluir hortículas, como alface, cenoura ou tomate. Tal como nas saladas, incluam um ingrediente mais "energético", como o fiambre ou queijo.

 

4. Salada russa

 

 Fonte: static.squarespace.com

 

Destas 4 sugestões, a salada russa não é a refeição que mais me agrada, mas sei que pode ser uma opção fácil quando não temos onde aquecer o almoço. E basta cozer batata, ervilhas, cenoura, ovo e acrescentar uma lata de atum. Se não quiserem ter muito trabalho ainda podem comprar aquelas misturas congeladas, onde já vem tudo partidinho e pronto a cozer. Mais ainda... Se no dia anterior fizeram refeição com coisas cozida e se sobrar, podem aproveitar para uma salada russa. Poupam tempo e recursos. A bela salada russa deve ser temperada com maoinese, mas com o tempo quente não é o ideal para levar, se não tiverem um frigorífico onde colocar. Se quiserem jogar pelo seguro e serem mais saudáveis, podem simplesmente optar pelo azeite ou deixar ao natural (um bocado nhec, mas há quem goste).

 

Estas são as minhas 4 sugestões para as marmitas de Verão e até mesmo para quem não tem hipótese de aquecer durante todo o ano.

 

E por ai, quem costuma levar marmita? Quais são as vossas escolhas?

 

Catarina C.

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)



Blogger




Instagram


Parcerias





Bloglovin'


Pinterest